Guia Faculdade – Artes e Design – Parte 1

Olá pessoas! Amo em dar dicas pra quem quer entrar e pra quem já está nesse meio da faculdade. Hoje venho apresentar alguns cursos bem legais que tem na faculdade. Vamos ter outras partes do tema Artes e Design, então calma, que vamos ter muito mais pra você que gosta desse ramo. Bora lá conferir o post!
 
1) Arquitetura e Urbanismo – O arquiteto projeta e organiza espaços internos e externos, de acordo com critérios de estética, conforto e funcionalidade. Projeta e coordena a construção ou a reforma de prédios. Ele faz a planta e determina os materiais que serão utilizados na obra, levando em consideração o uso do imóvel, a disposição dos objetos, a ventilação e a iluminação. Ao lado do engenheiro, acompanha a construção e gerencia os custos e a mão de obra. Atua nas etapas finais da obra. Também desenha objetos e elabora placas de sinalização e logotipos. Já o urbanista planeja e organiza o crescimento de cidades e bairros.
 
2) Artes Visuais – O artista plástico ocupa-se de criações artísticas que fazem uso de elementos visuais e táteis, como desenhos, pinturas, gravuras e esculturas. Lida com diferentes materiais, como papel, tinta, gesso, argila, madeira e metais, além de programas de computador e outras ferramentas tecnológicas. Expõe os trabalhos em galerias, museus ou locais públicos, ilustra livros e periódicos. Também produz vinhetas para TV e sites, gerencia acervos e mostras em centros culturais.
 
3) Conservação e Restauro – O bacharel em Conservação e Restauro trabalha para preservar edifícios, objetos e obras artísticas. Ele sabe reconhecer o valor histórico de manuscritos, fotografas, pinturas, esculturas, monumentos, livros e documentos. Define as condições do ambiente em que as obras devem ser mantidas, como temperatura e umidade, e providencia os reparos necessários, empregando tecnologias, técnicas e materiais que não alterem suas características. O conservador-restaurador pode trabalhar em órgãos oficiais do patrimônio histórico e artístico, em museus, igrejas, galerias de arte e bibliotecas. Os especialistas em preservação patrimonial lidam com arquitetos, engenheiros, arqueólogos, historiadores e operários da construção civil, na preservação de edifícios. É possível ingressar na carreira como tecnólogo.
 
 
4) Design –  A função do bacharel em Design é criar e desenvolver projetos gráficos ou de comunicação visual, ou de concepção de objetos ou peças dos mais diversos tipos, a serem produzidas em grande escala. Na área gráfica, cria logotipos, define a formatação das páginas de uma publicação, como jornais e revistas, definindo o tipo e o tamanho das letras e a disposição das imagens. Pode trabalhar em meio digital, desenvolvendo interfaces para sites, games e dispositivos móveis, como celulares, smartphones e tablets. Neste caso, atua em editoras, agências de publicidade, birôs de computação gráfica e produtoras de mídia digital. Em desenho industrial, o campo é muito amplo. O profissional trabalha com produtos de consumo, como eletrodomésticos, mobiliário, lustres, vestuário e jóias. Ou na fabricação de instrumentos e equipamentos médico-odontológicos, como camas para hospitais e instrumentos para dentistas. Pode desenhar, ainda, peças da construção civil, como azulejos e cerâmicas. Por fim, o designer trabalha no setor de máquinas e equipamentos, desenhando peças a serem usadas pelas fábricas em seus processos de produção. Seja qual for o campo de atuação, fazem parte da preocupação desse profissional garantir a funcionalidade do objeto e a viabilidade econômica e industrial de sua fabricação. Dependendo da área de atuação, o designer convive no dia a dia com arquitetos, profissionais de marketing, jornalistas, editores, engenheiros e especialistas em informática. Você pode ingressar na carreira como tecnólogo.
 
5) Design de interiores – Este bacharel entende do arranjo de ambientes, levando em conta a estética, o conforto e a funcionalidade. Ele define os materiais de revestimento e acabamento, suas cores e a distribuição de móveis e objetos. Esse é um trabalho que exige mais do que criatividade. É preciso se manter atualizado sobre as novidades no mercado, ter espírito prático para cumprir os prazos e saber fazer as escolhas segundo as possibilidades financeiras do cliente. O seu dia a dia envolve o contato com arquitetos, marceneiros, pedreiros, pintores e eletricistas. Além de residências, o designer de interiores define ambientes de trabalho ou de passagem, como consultórios, lojas, restaurantes, área de atendimento em bancos ou órgãos públicos. Pode trabalhar em lojas de mobiliário, de revestimentos. Para atuar como consultor autônomo, é necessário certo tempo de carreira. você pode trabalhar como designer com um curso de tecnólogo.
 
 
Então é isso pessoal! Espero que vocês tenham realmente gostado do post!
Beijo grande e fiquem com Deus!
 

15 comentários em “Guia Faculdade – Artes e Design – Parte 1

  1. Oi Juliana!Eu gostei bastante do post, principalmente porque não sei o que fazer ainda e tô naquela dúvida… Os cursos são bem interessantes, mas sou totalmente da área artística, então estou esperando ansiosamente pelo post de Artes e Design! ❤️http://makingcolorfilm.blogspot.com.br/

    Curtir

  2. Muito bom o post, e da forma como você descreveu, acho que dessas que citou eu me daria bem em design.Beijoblogueirasara.blogspot.com.br

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.