Se apaixone por Crush à altura

Hey gente! Eu gosto muito de filmes de comédia românticas, ainda mais quando elas são teens e trazem uma mensagem bastante interessante para o contexto da história, tratada de uma forma simples e objetiva para os telespectadores.

Crush à altura que foi estreado em /09/2019, não é diferente disso e tenho certeza que você irá se apaixonar também pelo filme.

Resultado de imagem para tall girl

Sinopse: Jodi é uma adolescente que tem que lidar com as inconveniências de ser a garota mais alta da escola. Tudo muda quando ela se apaixona por um bonito (e igualmente alto) intercambista, que vai morar na casa do melhor amigo de Jodi. Como resultado, Jodi se vê embolada num triângulo amoroso inesperado, que a ajuda a perceber que ela é bem mais do que suas inseguranças a faziam acreditar.

Crush à Altura irá mostrar uma perspectiva um tanto diferente: as dificuldades de uma menina alta em se “encaixar” nos padrões num geral. Pois é, pode não parecer, mas acontece muito!

Imagem relacionada

Nós mulheres enfrentamos grandes dilemas em relação ao nosso corpo. Dilemas que podemos e devemos aceitar, pois fazem parte da nossa essência.

Jodi (Ava Michelle), que mede 1,85, ouve piadinhas desnecessárias durante sua vida toda, além de não conseguir ser bem sucedida com os crushs, isso tudo por causa de sua altura. Até que um dia chega um estudante de intercâmbio – que é mais alto e MUITO GATO – e, sendo assim, ela fica toda interessada por esse cara novo. O problema é que a escola toda, assim como a garota mais popular da escola, decidem se aproximar.

Gostei muito do filme, até porque sua história e categoria me chamam muita atenção. Me diz ai nos comentários o que você achou do filme.

Beijos e até a próxima.

3º temporada de Stranger Things está grandiosa

Ei gente! Eu gosto muito de assistir séries, acredito que isto não é segredo pra ninguém aqui. Quando ficou apaixonada por obra prima dessas, não posso perder a oportunidade em trazer e compartilhar esse conteúdo nesse cantinho que amo tanto.

Stranger Things é uma série que impactou muita gente, fazendo cada um se apaixonar e se tornar um fã de carteirinha. Hoje vamos falar da 3º temporada de Stranger Things, uma temporada com mais cor e que pra mim é a melhor de todas.

Mas antes, deixo aqui o trailer e a sinopse da 1º e 2º temporadas da série.

Imagem relacionada

1º temporada de Stranger Things

Sinopse: Hawkins, Indiana. 1983. Um garoto de 12 anos desaparece misteriosamente. A família e a polícia procuram respostas, mas acabam se deparando com um experimento secreto do governo. Enquanto isso, os amigos do menino iniciam suas próprias investigações, o que os levam a um extraordinário mistério envolvendo forças sobrenaturais e uma garotinha muito, muito estranha.

2º temporada de Stranger Things

Sinopse: Um ano se passou, mas os acontecimentos sobrenaturais envolvendo o Demogorgon e os segredos do laboratório de Hawkins ainda assombram a população local. E eles têm razão em se sentirem com medo: uma entidade ainda mais poderosa ameaça os sobreviventes.

3º temporada de Stranger Things

Sinopse: É verão em Hawkins. De férias da escola, Eleven (Millie Bobby Brown), Mike (Finn Wolfhard), Dustin (Gaten Matarazzo), Lucas (Caleb McLaughlin), Will (Noah Schnapp) e Max (Sadie Sink) aproveitam as novidades do recém inaugurado shopping da cidade, enquanto experienciam situações típicas da adolescência que colocam a prova a amizade do grupo. Mas quando a cidade volta a ser ameaçada por inimigos novos e antigos, eles precisam lembrar que a união é mais forte que o medo.

Em sua melhor temporada, Stranger Things apresenta mais uma história contida e bem resolvida ao longos de seus oito episódios, trazendo e aproveitando o crescimento de seus protagonista em que nas temporadas passadas estavam crianças e agora na terceira temporada já estão adolescentes. Dessa forma, é encontrado um espaço para novos desenvolvimentos, mas sem saturação de seu universo.

Stranger Things ganhou atenção do público pela sua reverência desenfreada aos anos 80, trazendo histórias de bom aproveitamento e elementos conhecidos da época, caminhando assim, em uma linha tênue de nostalgia.

Imagem relacionada

Na terceira temporada, os roteiristas deixam de lado alguns elementos introduzidos anteriormente, relacionados à grande trama de conspiração em volta dos experimentos que originaram Eleven. Nesta temporada não espere novas crianças com superpoderes, o foco dessa vez é construir uma trama própria para o terceiro ano, trazendo de volta os perigos do Mundo Invertido de forma mais objetiva e menos propensa à interpretações e teorias de fãs. 

A terceira temporada de Stranger Things é a que mais abraça sua estrutura cinematográfica. Aqui você verá um filme de quase oito horas com diferentes núcleos narrativos, definidos e compostos por grupos de personagens em que o arcos que a maioria das vezes não são tão empolgantes ao longo do caminho, mas agrada o espectador quando a história se conclui.

Resultado de imagem para 3º temporada de Stranger Things

O grupo principal da temporada são o Mike, Will, Lucas, Maz e Eleven. Com a entrada da Max no grupo, a interação que é feita com a Eleven é impressionante. As personagens se mostram amigas depois de problemas de “adolescentes”, afinal é essa fase em que todo o grupo principal está. O novo ano parece ter enxergado o mesmo potencial na formação da dupla. A relação da Eleven com o Mike continua em destaque trazendo uma narrativa mais adolescentes para a dupla.

O outro grupo de jovens são o Steve com seu novo emprego na sorveteria, Robin que trabalha junto com Steve, Dustin que volta sua dinâmica com Steve, o que foi um dos pontos altos da temporada anterior, e a entrada da irmã de Lucas, Erica e nos fez perceber que Stranger Things tem capacidade de apresentar novos personagens divertidos e muito relevantes.

Resultado de imagem para 3º temporada de Stranger Things

O ritmo da temporada fica um pouco mais lento quando deparamos com os grupos de Hopper e Joyce, Nancy e Jonathan. Mas isso é resolvido quando o arco dramático destes personagens acaba sendo produtivo uma vez que cruzam a reta final. Mas suas investigações acabam alongando muito os episódios. Mesmo assim, estes personagens continuam tendo um papel muito importante dentro deste universo com vários problemas que tem uma grande progressão estimulante durante os episódios até seu emocionante clímax repleto de ação.

A série é mais explorada com atenção a si mesma, do que as inúmeras referências. Há uma maturidade perceptível nesta temporada na maneira como a própria série enxerga sua construção de universo e suas propostas narrativas.  Pra mim, a Eleven é a personagem que mais evoluiu em questão de posicionamento de seus poderes.

Imagem relacionada

Essa maturidade é também perceptível nos trabalhos visuais ao longo da temporada, desde a fotografia de ambientes mais mirabolantes, até os quadros impactantes.

A construção dos novos antagonistas demonstra o quanto Stranger Things está evoluindo a maneira como se aproveita desta referências.

Com um grande final da terceira temporada de Stranger Things, posso dizer que a série estaria em uma boa posição para ser concluída por aqui mesmo. A evolução dos personagens são recompensadoras para o espectador.

Resultado de imagem para 3º temporada de Stranger Things

Tenho certeza que o público esperaria o tempo que fosse para acompanhar mais histórias de Stranger Things.

Me diz ai nos comentários se você já assistiu esta série.

Dark, uma série de mistérios

Ei gente! A indicação de hoje é mais uma excelente produção da Netflix, que convenhamos, está arrasando ultimamente.

Dark é a primeira produção original alemã da Netflix, chegou à plataforma em dezembro de 2017. Muita gente ainda não entendeu a enigmática cena final da trama, nem a sequência de acontecimentos. De fato, Dark não é uma série fácil.

Não vou falar da 1º temporada da série, até porque já estamos na segunda temporada, o qual é o assunto que venho falar hoje.

Mas antes de começarmos falar, aqui está a sinopse da 1º temporada e seu trailer:

Dark: 1º temporada

Sinopse: Quatro famílias iniciam uma desesperada busca por respostas quando uma criança desaparece e um complexo mistério envolvendo três gerações começa a se revelar.

Dark: 2º temporada

Na segunda temporada de Dark teve uma grande revelação que pode mudar todos os lados, sobre a guerra de luz e sombra que tanto falam.

Dark se tornou um fenômeno global quando foi lançado em dezembro de 2017. O recebimento foi tão bom, que não foi surpresa a Netflix renovar para a 2º e 3º temporadas.

Quando Jonas Kahnwald (Louis Hofmann) no fim da primeira temporada viaja para o ano de 2052 através do buraco de minhoca instalado em Winden, explora um futuro castigado apresentado para nós, mostrando a escuridão e uma cede insaciável pela busca de repostas, pois ele precisa para salvar o mundo.

A 1º temporada nos mostra uma linha principal que é o ano de 2019, mas que também pode viajar no tempo para os anos de 1986 e 1953.

Dark, antes de seu lançamento, foi comparada com Stranger Things, por causa de desaparecimento de uma criança em uma cidade pequena, mas no desenvolver da série, ela destaca um suspense na viagem no tempo que é difícil de entender para acompanhar.

A filmagem da 2º temporada começou oficialmente em 25 de junho de 2018 em Berlim e seus arredores e terminou neste mesmo ano.

Escuro, segunda temporada

Nas primeiras fotos da 2º temporada compartilhadas pela Netflix, mostra Jonas no futuro sombrio de Winden. Um tempo de pós-apocalíptica, com residências arruinadas e abandonadas. Ele está sozinho e não há vestígio das pessoas que ele conheceu. Mas ao longo da temporada, vemos um grupo que sobreviveu a todo esse desastre e Jonas loucamente tentando arrumar a “partícula de Deus” para voltar para casa.

“Tudo está conectado” Ao desenvolver da série, essa frase é sempre dita, e faz muito sentindo, pois o passado influência o futuro, assim como o futuro influência o passado.

Escuro, segunda temporada
Escuro, segunda temporada: trailer

No passado, seus amigos tentam decifrar uma série de eventos inexplicáveis ​​que atingiram Winden, enquanto uma figura sombria se responsabiliza por tudo.

Dark finalmente revela a trilogia e antecipa uma reunião entre o Jonas do presente e o futuro e sugere que o herói desta história encontraria uma maneira de retornar ao seu tempo.

A Netflix  apresentou um novo avanço, onde se sugere que mais pessoas descubram que viajar no tempo é possível.

“Se você pudesse acessar o mecanismo de relógio do mundo, se você pudesse mudar as alças, em que dia você viajaria?”

Além de tentar voltar para casa, Jonas dedica grande parte da segunda temporada de Dark  para descobrir exatamente como a tragédia que acabou com a civilização em 2052 ocorreu e tenta evitá-lo no passado.

A 2º temporada da mais destaque nos personagens que mal foram vistos nos primeiros 10 episódios.  Além disso, há novos personagens, enquanto outros desaparecem, possivelmente mortos.

Vemos também nessa temporada a exploração da história da Cláudia em 1986 e a história de Penélope, que tem muitos mistérios.

15 fatos curiosos sobre Dark

  1. Dark é a primeira série original da Netflix a ser gravada e produzida inteiramente na Alemanha;
  2. Dark é baseada em um teoria de Albert Einstein;
  3. O desastre nuclear de Chernobyl marcou a vida dos criadores de Dark e o próprio roteiro da série;
  4. Diferente do vemos na série, chuvas intensas são raras na Alemanha;
  5. O tema original de Dark seria uma caçada a um serial killer;
  6. O nome do vilarejo da série é um trocadilho;
  7. Winden representa o conceito básico da vida em pequenos vilarejo na Alemanha;
  8. Apesar da cidade da série ser fictícia, existe de fato na Alemanha uma cidade chamada Winden im Elztal. Uma cidade que é rodeada pela floresta negra.
  9. Toda a primeira temporada foi gravada em Berlim e no Estado de Brandembrugo;
  10. Alguns detalhes foram inseridos na série para serem entendidos apenas pelos alemãs;
  11. Dark tem, ao todo, 72 personagens;
  12. O policial Ulrich é interpretado pelo ator Oliver Masucci, mais conhecido pelo seu papel como Adolf Hitler;
  13. A frase “Sic Mundus Creatus Est”, significa “Assim como o mundo foi criado”, é um trecho da tábua de esmeralda. Um texto que deu origem a alquimia.
  14. A artista austríaca: Anja Plaschg, compôs toda a trilha sonora da série;
  15. O Brasil é a terceira maior audiência de Dark;

Aqui está um vídeo lançado pela netflix para que você possa entender a linha temporal de Dark:

A série é muito boa e recomendo muito. Mas antes de assistir, preste muita atenção em cada detalhe.

Me diz ai o que vocês acharam desta série.

Beijos e até a próxima!